Design Nacional Autoral

Talentosos criadores conquistam espaço na indústria brasileira e reconhecimento na cena internacional

Design Nacional Autoral 1 capa

 

Notadamente, o design de mobiliário brasileiro, aquele voltado para nossa casa, tem passado por um período de desenvolvimento e criatividade ascendentes nos últimos anos. Algumas razões explicam esse fenômeno. Desde que o valor exacerbado praticado pelo varejo por peças com design mais apurado de marcas importadas passou a inviabilizar projetos, gerou-se uma necessidade latente de se produzir no Brasil com mais qualidade, inventividade e constância.

Ao mesmo tempo em que a indústria abriu espaço para os nossos criadores, a multiplicação de cursos técnicos e universitários também impactou diretamente a transformação e o surgimento de novos e bons nomes no mercado.

Para completar, nas últimas duas décadas, um grande número de profissionais passou a visitar com mais frequência feiras e eventos pelo mundo, trazendo e implantando novidades por aqui. O inverso também ocorreu, com a cena internacional – e os próprios brasileiros – redescobrindo o Brasil.

O resgate de nossas raízes, com um toque de verniz cosmopolita, encantou e reverberou pelos quatro cantos do planeta. A admiração natural por nossos designers e arquitetos tem motivado os mesmos a pesquisar, desenvolver e comercializar suas criações das formas mais inusitadas.

Com um olhar afinado, observando o velho mundo e exaltando nossas origens, nasce uma nova proposta para a cena brasileira. Os perfis que apresentamos nas próximas páginas revelam um pouco deste movimento, com designers audaciosos e concepções fantásticas. Os suportes são os mais variados: metais de diferentes tipos e cores, tecidos, madeiras certificadas e materiais de reuso.

Alguns projetos atendem a demanda de clientes e profissionais da área, outros servem a galerias, colecionadores, instituições e coleções públicas.

O mercado se movimenta. Exposições, mostras, feiras, galerias, market places, bazares, curadores, provocadores, clubes de fidelização, especificadores. Todos e tudo valem para promover e desenvolver o segmento.

A última barreira a ser vencida é fazer chegar ao cliente final a importância e o valor das chamadas peças assinadas. Mas, felizmente, com a associação cada vez mais frequente entre indústrias e criativos, há sinais claros de que isso é só uma questão de tempo.

Design Nacional Autoral 1

ANA NEUTE

O trabalho quase poético, de linhas simples e puras, fez essa jovem e promissora designer ganhar os holofotes do mercado. Formada em arquitetura, Ana Neute se enveredou pela trilha do design desde cedo. Em 2008, com apenas 22 anos, trabalhou no IBOIS – Instituto de Madeira da Politécnica de Lausanne, na França. Depois, estudou Filosofia da Arte e, em seguida, fechou parceria com Rafael Chvaicer, desenvolvendo trabalhos para grandes nomes da indústria, como Riva e La Lampe. Desde 2015, alça voo solo com seu próprio estúdio de design autoral e já participou de exposições em Miami e Milão, além de realizar projetos para marcas como Artefacto e Santa Mônica.

 

Design Nacional Autoral 2

BRUNO FAUCZ

Fascinado pelo universo criativo, esse catarinense cresceu com um papel e um lápis sempre a mão. Formado em Design de Mobiliário em 2007 e pós-graduado em Master Design Internacional, Bruno é um dos nomes da nova geração que melhor interpretam as necessidades do mercado. Muito, talvez, pela vivencia de sete anos dentro da indústria, tempo em que aplicou o design efetivamente dentro de uma visão centrada na produção. Desde 2013, comanda o estúdio próprio, onde materializa o desejo do consumidor final, explorando ao máximo as matérias-primas e as técnicas produtivas das marcas parceiras. Certamente por isso, é um dos mais atuantes profissionais, com peças assinadas para diversas marcas no Brasil e convites para exposições no iSaloni e nas semanas de design de Nova York e Paris.

 

Design Nacional Autoral 3

FAHRER

Considerado um dos nomes mais expressivos do design contemporâneo brasileiro, Sergio Fahrer sempre se interessou pela madeira curvada e técnicas produtivas inovadoras em suas criações. Elaborou sua primeira peça em 1992 e, desde então, mantém a preocupação com o uso da madeira certificada, do manejo sustentável, do material reciclado e da necessidade de pensar nos recursos naturais do país e do planeta. Jack Fahrer decidiu se juntar ao irmão e ao design de móveis em 2007. Também músico, ele tem formação na área de moda e havia recém-chegado de uma temporada em Nova York. A união dos irmãos criou a marca de design de mobiliário Fahrer. Hoje a Fahrer é referência mundial quando o assunto é design em madeira curvada, desenvolvida por eles com base na multilaminação. A técnica dos irmãos foi patenteada e obteve registro de tecnologia nos mercados nacional e internacional. Eles também são pioneiros no uso do alumínio de aviação e naval e criaram a laminação de tecidos entre placas de vidros para tampos de mesa.

 

Design Nacional Autoral 4

ESTUDIOBOLA

Colegas desde a época da faculdade, os arquitetos Flavio Borsato e Maurício Lamosa encontraram no desenho de produtos o caminho para se credenciarem como dois dos mais inovadores designers do cenário moveleiro nacional. À frente do Estúdiobola – uma brincadeira com as iniciais de seus sobrenomes – a dupla destaca-se pela pelo traçado minimalista de suas criações. Um trabalho isento de modismos e tendências, que requer uma pesquisa rigorosa de proporções e acabamentos. O resultado são peças inusitadas e dinâmicas, que resistem ao tempo e permanecem agradáveis aos olhos durante anos. Ao longo dessa trajetória de quase 17 anos, a figura da dupla de criação deu lugar a um time competente de profissionais que ajudam a colocar a empresa e seus produtos nas melhores e mais conceituadas lojas do mobiliário e decoração do país.

 

Design Nacional Autoral 5

GUILHERME WENTZ

A pesquisa constante de formas e materiais e o comprometimento com conceitos que partem de uma visão particular de brasilidade, combinados a uma linguagem de design universal, compõem o trabalho criativo e único do jovem e talentoso Guilherme Wentz. Designer de produtos formado pela Universidade de Caxias do Sul, ele trabalhou dentro da marca de objetos Riva antes de começar seu próprio estúdio. Em plena estreia, recebeu os prêmios IDEA Brasil, Brazil Design Award e o selo internacional iF Design Award. Em parceria com grandes nomes da indústria nacional, assina peças de traços minimalistas e formas puristas.

 

Design Nacional Autoral 6

GUTO INDIO DA COSTA

Praticamente um veterano entre os expoentes do design de mobiliário contemporâneo, o carioca Guto Índio da Costa – filho do arquiteto Luiz Eduardo Índio da Costa – , tem no seu currículo o fato de ter ajudado a impulsionar o design no Brasil na última década e meia. Criador em série, dedica-se a trabalhos de diferentes proporções com a mesma desenvoltura, transitando do design de produto ao mobiliário urbano. Seu portfólio desfila obras como o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) do Rio de Janeiro, os abrigos de ônibus de São Paulo e um sem-número de linhas assinadas, entre ventiladores, refrigeradores, misturadores, cadeiras e poltronas. Todos premiadíssimos, no Brasil e no Exterior.

 

Design Nacional Autoral 7

JADER ALMEIDA

Um dos mais festejados e premiados designer de sua geração, o catarinense Jader Almeida teve o primeiro contato com a indústria do mobiliário aos 16 anos, iniciando seu envolvimento em todo processo produtivo. Formado em arquitetura, trabalhou para a LinBrasil, editora da coleção de móveis assinados por conceituados profissionais, como Sérgio Rodrigues, experiência que lhe rendeu grande entendimento dos desenhos e técnicas de produção. Desde 2004, desenvolve produtos exclusivos para indústrias. Suas peças carregam influências modernistas e herança brasileira, com linhas puras, formas orgânicas e rigor técnico.

 

Design Nacional Autoral 8

LATTOOG

Fusão dos sobrenomes dos sócios – o arquiteto e urbanista Leonardo Lattavo e o designer autodidata Pedro Moog – a Lattoog sintetiza o processo criativo marcado pela pluralidade de duas formações diferentes, mas complementares. Os produtos assinados por essa dupla carioca têm o mérito de aliar o racionalismo das tecnologias de ponta à intuição, poética e subjetividade dos objetos de arte. Resultado: peças funcionais com linhas harmônicas, ora orgânicas e sinuosas, ora geométricas e rascantes.

 

Design Nacional Autoral 9

MULA PRETA

Capitaneado pelo arquiteto Felipe Bezerra e o designer André Gurgel, o Estúdio Mula Preta nasceu em 2012, em Natal (RN), e tem seu nome inspirado na música homônima do Rei do Baião, Luiz Gonzaga. Ela representa a cultura Nordestina, traço marcante no desenho criativo dessa dupla. Nas mãos deles, chapas metálicas, madeiras e compensados ganham formas inusitadas e sinuosas, que fazem alusão à natureza, frutas, esportes e artistas. O talento dos dois já foi reconhecido com prêmios como A’Design de Milão e Chicago Athenaeum Good Design Award.

 

Design Nacional Autoral 10

MARTA MANENTE

Formada em tecnologia em Produção Moveleira e pós-graduada em Design de Produto, com ênfase em móveis, a gaucha Marta Manente alia técnica e inspiração. À frente de um Studio Multidisciplinar que leva seu nome, atende importantes players do mercado. A curiosidade por elementos totalmente brasileiros que Marta emprega em suas séries já vem ganhando atenções internacionais. De Milão para Nova York e Roma e depois para outras cidades europeias, a brasileira já expôs em diversas partes do mundo e recebeu prêmios como o Design Challenge NY e o Objeto Brasil.

 

Design Nacional Autoral 11

REJANE CARVALHO LEITE

Arquiteta e urbanista, Rejane foi seduzida pelo design de produto e passou a projetar para a indústria em 2002. O caminho para a busca do conhecimento neste setor foi dentro das fábricas, fazendo protótipos e testando materiais e técnicas. Trabalhou em parceria com escritório em Florença, na Itália, além de ter feito cursos de aprimoramento na Universidade Politécnica de Milão. Em seu processo criativo, os primeiros traços à mão demonstram a preocupação com o uso consciente dos materiais e da produtividade. É na arquitetura, na natureza, nas texturas, na música, na poesia, nas artes plásticas, no cinema e em outras inúmeras situações e vivências do cotidiano que renova sua fonte inspiradora. Madeira, metal, acrílico, fibra, alumínio, couro, tecido e papelão estão na lista de matérias-primas utilizadas por Rejane na produção de novas peças, atentas ao primor de unir a tecnologia à percepção da manualidade nos mínimos detalhes, como valor agregado.

 

Design Nacional Autoral 12

RONALD SASSON

Designer por vocação, o curitibano Ronald Sasson iniciou desde cedo o interesse por marcenaria, frequentando a fábrica de móveis da família. Em 1985 foi morar por mais de um ano na Europa e Oriente Médio, onde se ambientou com novas formas de se pensar a estética do mobiliário. Na volta ao Brasil, trabalhou como artista plástico por mais de 10 anos, o que lhe agregou uma visão de design pelo viés do uso e equilíbrio das cores. A sinuosidade simples do design nórdico e a presença marcante das cores mediterrâneas refletem no traço de seus produtos. É um dos nomes mais requisitados do mercado, transitando do móvel à iluminação em caráter industrial. Nos últimos anos, teve seu talento reconhecido internacionalmente, colecionando prêmios e convites para exposições.

 

Design Nacional Autoral 13

SÉRGIO J. MATOS

Mais que função, o design tem o poder de abrigar história, memória e laços afetivos. É dessa percepção – forrada com a essência da brasilidade – que o designer mato-grossense Sérgio J. Matos se abastece e nutre o desenvolvimento de produtos de mobiliário e decoração. A base sólida da criação finca os pés na regionalidade , na identidade que resiste ao tempo e preserva técnicas e saberes ancestrais. É da Paraíba, onde formou-se designer de produto em 2005, que Sérgio desenvolve suas peças com assinatura peculiar. Sobretudo pelas tramas têxteis que atam tradições e amarram com orgulho registros do folclore, dos recortes extraídos do cotidiano e dos pedaços de paisagens garimpados em viagens. A trajetória – desde a abertura do estúdio em 2010 – colhe prêmios nacionais e internacionais e colabora para fortalecer a imagem do design brasileiro.

 

Design Nacional Autoral 14

ZANINI DE ZANINE

Desde muito cedo, Zanini de Zanine bebeu na fonte dos grandes mestres brasileiros da arquitetura e do design. Filho do arquiteto, paisagista, escultor e moveleiro Zanine Caldas, conviveu com nomes como Lúcio Costa, Oscar Niemeyer e Sérgio Rodrigues, com quem estagiou quando produziu seu primeiro móvel. Um dos expoentes do design de mobiliário contemporâneo brasileiro, o carioca tem revolucionado o mercado ao utilizar técnicas industriais e artesanais, criando móveis e objetos funcionais e de alta qualidade. Apesar de jovem, já foi nomeado o designer do ano pela Maison&Objet Americanas em 2015 e eleito o primeiro brasileiro, em 25 anos, a receber o prêmio Design Excellence Award – New Generation e expor seu processo criativo no Philadelphia Museum Of Art.

Edição atual

capa036
Comprar versão impressa

Comprar versão digital

[+] News

Antes & Depois

20 Março 2019
Antes & Depois

Mais vida no living

A Beleza do Imperfeito

20 Março 2019
A Beleza do Imperfeito

Kintsugi

Poética Feminina

20 Março 2019
Poética Feminina

Poltrona Betinha

Casa Nova

20 Março 2019
Casa Nova

Marengo Decor 

Um loft moderno e urbano

18 Março 2019
Um loft moderno e urbano

Atmosfera jovem, descolada e urbana para o novo lar

Materiais sofisticados e aconchego

18 Março 2019
Materiais sofisticados e aconchego

Boas idéias e ambientes dinâmicos, práticos e cheios de vida

Estilo despojado e clima praiano

18 Março 2019
Estilo despojado e clima praiano

Tudo muito prático, dinâmico e funcional para o dia a dia

Clima de alegria e descontração

18 Março 2019
Clima de alegria e descontração

Toques de personalidade e charme revelam o clima descontraído do projeto

Ay Caramba!

18 Março 2019
Ay Caramba!

Cercada pelo mar do Caribe, Cuba tem cenários paradisíacos

Casa Brasil Eliane

15 Março 2019
Casa Brasil Eliane

Grupo inaugura showroom com produtos Eliane e Decortiles em SP

Ornamento

15 Março 2019
Ornamento

Coleção Flainar

5 dúvidas sobre...home office

15 Março 2019
5 dúvidas sobre...home office

Cris Paola ensina como criar um ambiente de trabalho em casa

Extensão

15 Março 2019
Extensão

Linha Mistral

Banho Chic

14 Março 2019
Banho Chic

Toaletes Residenciais, Lindos Espaços de Luxo  

Transformação pontual

13 Março 2019
Transformação pontual

De maneira inteligente e funcional, lar ganha um novo astral

© 2017 Revista it Home | Todos os Direitos Reservados | Tel. (11) 2673-5141