Banheiros com jeito de SPA

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email

Rebatizados como salas de banho, espaços são transformados em templos de bem-estar

Por: Dan Brunini

Emoldurado pelo azul do mar
Ao transformar dois banheiros em uma ampla suíte, os arquitetos Thiago Manarelli e Ana Paula Guimarães, do escritório Manarelli Guimarães Arquitetura, não só conquistaram mais espaço como possibilitaram que os moradores possam curtir a vista incrível para a Baia de Todos os Santos, em Salvador. “Toda a distribuição foi pensada em função do visual, pois eles queriam estar na banheira ou no boxe observando o mar”, diz Thiago. “Optamos também em colocar revestimentos brancos para que essa luz entrasse e deixasse o banheiro mais claro”, acrescenta Ana Paula. Com TV e música ambiente, o lugar ficou ainda mais convidativo.

Predominante em paredes e bancada, o mármore branco ajuda a espalhar a luminosidade. Perto da banheira, os nichos também de mármore deixam acessórios do dia a dia sempre a mão. Outro destaque é o gabinete com frente espelhada (Ornare), que faz com que o espaço pareça ainda maior.

 

Repaginação completa
Em busca de mais espaço e bem-estar, os dois banheiros do apartamento se uniram para ampliar a suíte e aperfeiçoar a rotina do casal. Dividido em dois, o espaço de 11 m² conta com uma área íntima, onde ficam o boxe e o vaso sanitário, delimitados por um vidro parcialmente jateado. “Na outra parte, alocamos uma generosa bancada e uma banheira solta, com vista direta da janela do quarto e da televisão”, explica Felipe Faulin, do escritório MM18 Arquitetura. A clássica combinação de elementos preto e branco dá o tom do projeto, marcado por uma elegância e sobriedade atemporais. Destaque do ambiente, os ladrilhos hidráulicos hexagonais pretos percorrem o piso e sobem até as paredes do boxe, evidenciando os móveis e as peças em tons claros.

Com formato escultural, o gabinete de madeira está acompanhado da bancada com cuba esculpida de mármore branco. Ladrilhos hidráulicos pretos da Ornatos contrastam com a banheira branca da Duravit.

 

Reduto de tranquilidade
Com tamanho triplicado após a reforma, o banheiro deste apartamento foi totalmente pensado no relaxamento e bem-estar do casal. “Entre os destaques da área de 11,35 m² está a banheira de imersão e o móvel de madeira, que cumpre o papel de penteadeira ao guardar maquiagens e acessórios”, explica a arquiteta Consuelo Jorge, autora do projeto. Com espelhos de diferentes tamanhos e estilos, o conjunto que realça a parede e é muito usado pela proprietária reúne apenas peças herdadas da família.

Peças grandes de mármore branco cobrem o piso e parte das paredes, que também foram revestidas de cerâmica 15 x 15 cm (Portinari). Tanto a bacia sanitária como o bidê e o lavatório são da alemã Duravit.

 

 

Com direito a jardim
Marcado por uma planta linear e alongada, o banheiro desta casa projetada pela Padovani Arquitetos foi estrategicamente dividido. Em uma das extremidades ficam o boxe e a banheira; na outra estão a bancada e o vaso sanitário. As duas partes são unidas por uma área central de circulação. “Reforçamos a sensação de amplitude do ambiente ao posicionarmos um pequeno jardim interno entre o boxe e a banheira, trazendo um pouco do verde para dentro de casa”, explica Lucas Padovani. Para compor ainda mais o clima de spa, a paleta de materiais traz a pedra Hitam usada nas paredes, complementando os vasos com plantas no paisagismo de Alexandre Furcolin.

Instaladas de uma ponta a outra da parede entre o boxe e a banheira, as pedras Hitam contrastam com o piso de porcelanato. As duas cubas ficam apoiadas sobre a bancada de granito preto absoluto Velvet.

 

Distribuição confortável e fluída
Somadas as áreas de um antigo banheiro e de um quarto, a nova sala de banho, agora com 30 m², permite que os donos do apartamento possam usufruí-la juntos, sem se esbarrar, graças à distribuição proposta pelo projeto da Korman Arquitetos. “De um lado, posicionamos a bancada generosa com duas cubas de apoio. Do outro, fica o boxe bem próximo da banheira de freestanding”, conta Ieda Korman. Com uma base neutra e sóbria, o ambiente dispõe de revestimentos de manutenção simples, como o piso de porcelanato com aparência de cimento e o lindo mosaico cerâmico que traz movimento e cor à parede. “A decoração combina o estilo moderno e despojado com materiais rústicos e peças de design brasileiro”, conta Ieda.

Em contraponto ao ambiente claro, o gabinete é feito de madeira de demolição. O piso tem porcelanato com visual de cimento queimado e as paredes receberam mosaico cerâmico. Com papel escultural, a banheira é do tipo freestanding (Spas Versati).

 

 

Relax ao ar livre
Com jeito de casa, o apartamento térreo passou por uma reforma radical capitaneada pelo escritório carioca In/Ex Arquitetura. “O banheiro existente, que ganhou novos acabamentos, concentra boxe, vaso sanitário e bancada. Já a banheira vitoriana ocupou a área externa onde antes ficava a área de serviço”, ”, explica a arquiteta Renata Bartolomeu. Para tirar partido da luz natural, esse trecho foi coberto por uma estrutura de ferro e vidro fosco, garantindo também a privacidade em relação aos vizinhos dos dois andares superiores. Do lado de fora, quem reina é o piso de madeira e o mosaico de azulejos. Internamente, a mistura tem piso de porcelanato e nas paredes do boxe cerâmicas brancas com rejunte cinza e pintura.

Na área da banheira, o piso recebeu deck de madeira (Hydrotech) e a cobertura apresenta uma espécie de pergolado metálico. Na parte interna, cerâmicas brancas e vários pontos de verde com as plantas escolhidas por Valentina Varela, do Studio Caeté.

 

 

O mármore caramelo dá o tom
Com uma diversidade de atrações, o banheiro idealizado pela arquiteta Denise Barretto teve como ponto de partida a integração com o quarto conquistada através dos painéis de vidro que ajudam a trazer amplitude para os dois espaços. “Tudo é sofisticado, a começar pelo mármore Armani caramelo presente em piso, parede e bancada”, comenta Denise. “Os moradores também fizeram questão de ter dois chuveiros, duas cubas e uma TV perto da banheira para que pudessem relaxar assistindo shows e filmes”, explica. Cada detalhe foi muito bem pensado, desde o modelo dos chuveiros, com jogo de luz e hidroterapia, até as mini persianas dentro do banheiro, oferecendo mais privacidade aos moradores.

A bancada com cubas duplas e o móvel de laca dividem as áreas do banho. Determinante na sofisticação do projeto, o mármore Armani na cor caramelo foi fornecido e instalado pela Mont Blanc Mármores e Granitos.

 

 

Elegância e praticidade reunidas
Lavatório com cubas para o marido e a esposa, além de uma área para que ambos possam se trocar e se secar. Esses são apenas alguns dos luxos propostos pela arquiteta Roberta Banqueri para tornar o momento do banho único. Com 12 m², o banheiro é bem claro e suave, inteiro revestido com cerâmicas que reproduzem o visual nobre do mármore calacata. Já a bancada recebeu uma superfície de quartzo branca e está acompanhada de um armário onde os moradores organizam os utensílios de higiene pessoal e perfumaria. “Do outro lado do ambiente, as prateleiras de vidro com estrutura de inox deixam as tolhas à mão, enquanto o banco de tora de madeira inclui um toque rústico à decoração”, explica a arquiteta.

Com cubas esculpidas, a bancada emprega quartzo branco. Roldanas aparentes facilitam a abertura das portas do boxe (Sumaré Vidros), enquanto a estante suspensa de inox organiza a roupa de banho. Móveis da Ornare, louças e metais da Deca.

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email

LEIA TAMBÉM

Vai ter DW!

A 9ª edição da DW! acontece entre os dias 8 e 14,…

Por Peles Natuzzi

Até o dia 10 de novembro, a Natuzzi São Paulo apresenta a…

Quartinhos infantis

Quer inspiração para decorar os quartos dos pequenos? Destacamos 5 projetos com…