Os tons da CASACOR Rio

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email

Mostra carioca aponta as cores que são tendência na decoração de interiores em 2021

Por Redação it HOME | Fotos: André Nazareth/CASACOR

fachada da casacor rio
Fachada da CASACOR Rio foi toda pintada no tom Terra de Fogo, da Coral

 

Verdes, terrosos, rosas, azuis… são muitos os tons da CASACOR Rio. Para se ter uma ideia, o elenco da mostra usou mais de 1.700 litros de tinta para dar cor aos 38 ambientes da casa, resultando em mais de 60 diferentes cores.

 

“Os arquitetos trabalharam várias nuances. O público pode ver uma CASACOR bem colorida, em que até o branco – e seus muitos tons – aparece”, adianta Patricia Quentel, sócia-diretora da mostra.

Abaixo, sintetizamos as cores e nuances mais vistas nesta edição de CASACOR Rio.

 

Tons terrosos

Atrium de Cynthia Berlandez Pedrosa e Rapahel Pedrosa Zay

 

Os tons terrosos e alaranjados, assim como as texturas de argila e tijolo surgem com destaque na CASACOR, a começar pela própria fachada da casa, toda pintada no tom Terra de Fogo, da Coral. Um pouco mais vibrante, o laranja do Atrium de Cynthia Berlandez Pedrosa e Rapahel Pedrosa Zay confere um clima casual chic, com toques tropicais.

 


Rosas

A cor marca presença em diferentes tonalidades nesta CASACOR Rio, indo do rosé gold usado no ambiente Essência dos Aromas, de Kilze Ney Guimarães, ao rosa pastel que aparece na Suíte Íntima do Hóspede, criação de Tatiana Lopes e Tatiana Pessoa Mendes.

 

Sala Íntima do Hóspede, de Tatiana Lopes e Tatiana Pessoa

 


Azuis

Presente em diversos espaços, o azul é um tom certeiro para trazer uma atmosfera de tranquilidade. Neste Lavabo, o Estúdio Manu+Ca usou o mesmo tom dos azulejos originais para pintar meia parede do espaço, trazendo contemporaneidade ao ambiente.

 

Lavabo de Manu+Ca

 


Brancos

Pequena Sala de Estudos, de Lia, Felipe e Betina Siqueira

 

Sim, habemus branco. A cor foi opção da dupla Ângela Leite Barbosa e Daniel Marques Mendes para os portais de sua Suíte do Hóspede e também aparece com em parte do mobiliário, nos tecidos da roupa de cama e das cortinas e especialmente nos elementos originais da arquitetura da casa como portais, portas e estantes no Quarto de Casal de Paola Ribeiro. Mas, em nenhum ambiente ele tem tanta importância como na Pequena Sala de Estudos, de Lia, Felipe e Betina Siqueira. Ali, o tom funciona tanto como rebatedor da luz natural que entra pelas janelas do espaço, quanto para trazer frescor, sossego e simplicidade ao ambiente, de pé-direito altíssimo e imponente.

 

Quarto do Casal, de Paola Ribeiro

 



Vermelhos

A cor, que aparece nos vitrais da casa, também poderá ser vista pelos ambientes. Um exemplo é a porta em ferro, cheia de detalhes inspirados na arquitetura do palacete, criada pela arquiteta Vivian Reimers para sua Livraria. O espaço, construído em meio ao jardim, se abre para o verde criando uma ambientação que promete encantar os amantes da leitura. Mas também há pontos de vermelho nos bancos criados por Ivan Rezende no seu Pátio da Escultura; em uma das obras de arte selecionadas por Mario Costa Santos, para a sua Sala de Arte “Contemplação”; e no neon usado por Caco Borges e Carolina Haubrich, no Home Office & Games.

 

Livraria, de Vivian Reimers

 



Cinzas e neutros

Sala de Almoço de Chicô Gouvêa

 

Sóbrio, neutro e elegante, o cinza é base de ambientes que vão do clássico ao contemporâneo nesta CASACOR Rio.  Ele dá o tom nesta sala de almoço, de Chicô Gouvêa, mas também aparece em diferentes nuances como numa versão quase grafite, no Hall de Entrada de Rodrigo Jorge, ou um pouco mais discreto, como na Sala do Piano de Luiz Fernando Grabowsky.

 

Hall de Entrada, de Rodrigo Jorge

 



Verdes

Nenhum tom aparece tanto como o verde. Os 12 mil metros quadrados de jardins com espécies da Mata Atlântica foram, sem dúvida, uma grande inspiração para os profissionais que levaram a cor para dentro dos ambientes. Seja com plantas, seja no mobiliário e nas paredes, o verde está por todos os lados. Destaque para o Jardim de Inverno, de Jean de Just, que traz literalmente o jardim para dentro da casa.

 

Jardim de Inverno, de Jean de Just

 


Visitas abertas

A CASACOR Rio fica aberta até 30 de maio. São 38 espaços montados na Residência Brando Barbosa.

Período: até 30 de maio de 2021
Horário: de terça a sexta, das 10h às 20h; sábados, domingos e feriados, 10h às 20h.
Local: Rua Lopes Quintas, 497. Jardim Botânico.
Tel: (21) 2512-2411

Ingressos e agendamento de visitas: http://casacorrj.byinti.com/

 

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email

LEIA TAMBÉM

O balcão é o destaque

Um grande balcão de pastilhas azuis cria  a ponte de conexão entre…

Frescor e sofisticação

Projetado para duas irmãs, o apartamento de 330m² tem décor atemporal, com…

Interruptor Wi-Fi

Novo interruptor permite controlar a iluminação da casa à distância, podendo acender…