fbpx

Espaços repensados

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email

Projetado durante a pandemia, apartamento conta com soluções certeiras para atender às novas demandas do morar e trabalhar no mesmo espaço

Texto: Helena Mastrobuono com Denis Nunciaroni | Fotos: Júlia Ribeiro

 

sala e cozinha integrados
Desejo dos moradores, a integração da cozinha com a sala ampliou a área social do apartamento

 

Quando o João e a Yasmin optaram por este apartamento de 70 m², em São Caetano do Sul, SP, para ser o seu novo lar, tinham a integração dos ambientes e a boa circulação como prioridade. A pandemia e a consequente mudança na rotina, porém, fizeram o casal enxergar outras necessidades. Conciliar as novas demandas com os objetivos iniciais sonhados para o apê foi o desafio lançado por eles aos arquitetos Thiago Fantato e Stephanie Nitoli, do escritório Fantato Nitoli Arquitetura. Com boa dose de criatividade, os profissionais trouxeram soluções certeiras, como ter um espaço de armazenamento na entrada da casa e uma área de trabalho mais reservada.

 

ambientes integrados
Formando uma espécie de caixa, o hall de entrada projetado pelos arquitetos evita a vista direta da cozinha para quem chega ao apê

 

O primeiro passo foi criar um hall, que não existia na planta original. Para isso, foi erguida uma parede diante da porta de entrada e instalado um armário sob medida para guardar os objetos como máscaras, sapatos e bolsas vindos da rua. A ideia, além de útil, impede a visão direta da cozinha para quem chega, direcionando o olhar para o estar.

 

O novo hall de entrada atende à rotina adotada com a pandemia

 

O espaço ganhou uma pintura em tom de verde água que segue para o teto, incluindo armário e porta. A mesma cor percorre toda a extensão da parede, até o bar, criando unicidade com a sala.

 

Ele tem armário embutido para guardar sapatos e pontos de apoio para pendurar máscaras, bolsas e casacos

 

Atendendo ao desejo dos moradores, os arquitetos demoliram a parede e a mureta que dividiam a cozinha da ala social, obtendo uma maior área de convívio. No lugar delas foi instalada uma ilha apenas com a cuba, levando a área de cocção para a bancada da parede. Com esse layout, a parte superior da ilha fica livre e a coifa, sobre o cooktop, é discretamente embutida no armário superior.

 

sala jantar integrada
Mesa de jantar, cadeiras e pendente em tons neutros trazem equilíbrio em contraponto com os elementos coloridos, como a parede verde água e o sofá mostarda

 

Em frente à ilha, o sofá na cor mostarda contrasta com o verde da sala de jantar, realçando uma atmosfera mais jovem e contemporânea. Para que eles sejam os protagonistas do ambiente, mesa de jantar, cadeiras e pendente foram escolhidos em tons neutros. O mobiliário clean, preservando a cor e o desenho puro das peças, é o foco em toda a decoração.

 

sala de TV
O décor clean e minimalista traz mais leveza ao projeto

 

Algumas soluções foram incorporadas para trazer ainda mais leveza e contemporaneidade ao décor. É o caso da marcenaria de traços retos e simétricos, com puxadores ocultos. O forro pintado em cimento queimado, aliado às sancas de iluminação indireta na cozinha e no percurso da sala até o corredor dos quartos, também tem essa intenção.

 

escritório home office
O home office também serve como quarto de hóspedes, quando necessário. O ambiente foi planejado para ser multifuncional sem abrir mão do conforto. De um lado, fica um armário alto; do outro, um aparador suspenso com portas de correr. Também suspensa, a bancada de trabalho permite que a cortina de tecido se estenda de uma parede a outra, trazendo muito aconchego

 

A adoção do trabalho em tempo integral dentro de casa também influenciou no projeto. Com a necessidade de mais sossego e privacidade, o home office foi desenhado no espaço do segundo dormitório, criando um ambiente multifuncional que comporta tanto o escritório quanto um quarto de hóspedes.

 

quarto casal
Minimalista, o quarto do casal tem painel de cabeceira com iluminação embutida em LED para reforçar a sensação de aconchego

 

O minimalismo presente em toda a morada se mantém na suíte do casal. Clara, neutra e suave, ela tem como ponto de destaque a cabeceira em madeira com iluminação de LED embutida, oferecendo a sensação de aconchego priorizada em todo o apartamento.

 

+ PRA VOCÊ: Minimalista com mood urbano

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email

LEIA TAMBÉM

Urbano e masculino

Todo em tons de cinza e preto, projeto desenvolvido para um homem…

Casa de boneca

Com uma paleta candy colors e uma marcenaria bem delicada, o apartamento…

Festa das cores

Museu em homenagem à artista plástica Frida Kahlo inspira o projeto deste…