fbpx

Pra sempre verde

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email

A vista primorosa do entorno pautou todo o projeto desta residência, assim como a biofilia, ambas presentes em todos os ambientes do lar

 TEXTO: JULYANA OLIVEIRA | FOTOS: FABIO JR SEVERO

Os tempos de luz e de sabiá, como canta Tom Jobim, duram o ano inteiro por aqui. Imersa em meio à fauna e à flora da Praia do Estaleiro, em Balneário Camboriú, SC, a residência recém-reformada pela arquiteta Ágata Cipriani, do Cipriani Studio, propõe uma conexão intensa e apreciativa com a natureza do entorno.

O casal de moradores e a filha de apenas três anos contemplam a vista para a vegetação e pedras da região pelas grandes janelas que emolduram a paisagem e estão presentes nos dois pavimentos do imóvel. O superior, construído durante a reforma, foi idealizado para separar a área social e a íntima – um pedido dos proprietários. De 170 m², a casa foi ampliada para 425 m².

A arquiteta conta que o desejo pela ampliação partiu da necessidade do casal de ter um lugar completo para receber amigos e familiares com conforto. Um dos grandes desafios, no entanto, foi combinar os grandes espaços à demanda por uma casa aconchegante e que promovesse a convivência entre os moradores no dia a dia.

Madeira e muita iluminação natural foram os elementos-chave para atender ao pedido da família. No novo pavimento, o escritório trabalhou com cumaru no teto, material que oferece sensação de aconchego. Na área íntima, a protagonista é a suíte máster, com janelas no estilo aquário e vista para as rochas e vegetação do entorno.

“Um dos ápices do projeto é a localização da suíte máster. Ela está estrategicamente instalada na altura das copas das árvores”, detalha a arquiteta. No interior, uma das paredes foi revestida com pedra natural, como se espelhasse o exterior. Já o layout do ambiente propôs a cama bem no centro do dormitório, para ofertar espaço ao pequeno escritório com escrivaninha com tampo de mármore.

Na área social, materiais como palha, presente no tapete da sala de estar, tecidos naturais que revestem os estofados, e pedras, que formam os tampos das mesas, acentuam o conceito biofílico que permeia todo o projeto.

Na piscina, por exemplo, o revestimento monolítico arenoso evidencia os esforços em desenvolver ambientes saudáveis que promovam bem-estar, conexão e memórias. Nesse último quesito, um dos pedidos dos moradores foi, inclusive, a preservação ao máximo possível do projeto original, que já contava com o piso de mármore no espaço gourmet.

 

 

Extenso, o ambiente recebeu o pergolado com teto de vidro que protege do calor e da chuva e abriga a mesa de jantar com 14 lugares, desenhada por Ágata especialmente para essa família.

A área de lazer conta ainda com sala de jogos, pomar, viveiro, lagoa, quadra de padel e vôlei de areia. Um verdadeiro paraíso para morar.

 

+ PRA VOCÊ: Tamanho da paz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email

LEIA TAMBÉM

Neutro e atemporal

O projeto deste apartamento de 137 m² aposta em uma paleta de…

Tons claros e luz natural

Décor minimalista, luz natural e ambientes integrados prevalecem após reforma promovida neste…

Cozinhas retrô 

Para resgatar a memória afetiva e tornar os ambientes ainda mais acolhedores,…